azlyrics.biz
a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 #

capicua – 1º dia lyrics

Loading...

[verso 1 – capicua]
28 e um copo meio cheio, um corpo meio feio
do porto por inteiro
eu faço vida solitária tendo companhia
acho que sou celibatária mas ninguém diria
durante um dia faço coisas, ya, não me perguntes
eu faço coisas, não tenho uma vida interessante nem preciso
nem sequer faço por isso
acho que estou fora de moda
e agradeço porque não sou adereço desse gueto alternativo
que p-ssou a ser a norma
eu sou pirosa como o “baby dá-me corda”
e o cor de rosa fica bem à minha volta
falo demais, tive uma infância feliz
sou dona do meu nariz e tento confiar na vida
mas não empurro o meu futuro com a barriga
e há muita coisa neste mundo que me intriga

[refrão x2 – capicua]
eu quero a vida como no 1º dia, cada dia como no 1º dia
viver a vida como no 1º dia, como no 1º dia…

[verso 2 – capicua]
faço rap porque gosto, essa é a única razão
ganho menos do que gasto e não gosto de exposição
e desgosto da posição de dar explicação para o atraso do álb-m
e da edição:
vai sair quando houver mais coisas a dizer
vai sair se tiver tempo para o fazer
vai sair quando der, se a gente quiser
obrigada mas isso não te sei dizer
a folha em branco -ssola
no banco não jogo à bola, o tempo avança
já não sou criança, está quase a p-ssar da hora
duvido da escrita
e se alguém tem pica para ouvir o que me dita a bic
estou quase nos 30 e para gastar tinta é bom que se justifique
é bom que alguém goste, que preste
e que mostre que é uma aposta forte
fazer o que gosto, com dom
e com dor e com esforço
e com conforto e uma boa dose de sorte!

[refrão x2 – capicua]
eu quero a vida como no 1º dia, cada dia como no 1º dia
viver a vida como no 1º dia, como no 1º dia…

[verso 3 – capicua]
já tenho tamanho mas ainda não sou grande
não sei o que quero nem para onde vou
quando eu for grande, quero ser só como eu sou
nem céptica nem indiferente
ingénua e sem técnica de vidente
é evidente que a vida é surpreendente
nisso sou previdente, não pretendo ficar dormente
sem “been there done that” na vida, no rap
sem “não vale a pena o limite é o tecto”
esse é o manifesto:
manter intacto contra tudo o resto a ingenuidade do olhar
e do gesto e em qualquer idade acordar no meu berço! …
ya como no 1º dia, como no 1º dia!

[refrão x2 – capicua]
eu quero a vida como no 1º dia, cada dia como no 1º dia
viver a vida como no 1º dia, como no 1º dia…

capicua não morre é o recomeço
não dá o mote para o retrocesso
se há boicote vira do avesso
partindo um osso
escreve no gesso