azlyrics.biz
a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 #

contrafluxo – pra você lyrics

Loading...

[intro]
“é fácil se envolver, difícil se controlar”

[verso 1]
a gente tenta se desvencilhar, mas não consegue
se faz, tenta ser o pá, mas um dia se vê entregue aos braços dela
o nobre plebeu entregue a donzela
difícil se convencer, reconhecer ela
já tá selado no destino o projeto divino
arquitetado, fato consumado, é pra você que eu rimo, vem
nesses entrelaços, entre uns abraços
perder toda esta noção entre tempo e espaço
sentimento, não há estudo ou tese pra dimensionar
faz você perder o ar, faz o tempo voar
e voa mesmo quando tô com você, pode esquecer
vem pra baixo do edredom pra gente se aquecer
remédio, da alegria ao tédio, do barraco ao prédio
teu retrato levo, bateu saudade: te observo
deixa a vida nos levar pra aonde ela quiser
essa é pra você, e o amor nos aplaude de pé

[refrão]
ainda ficou muito pra dizer
tava custando pra me convencer
sei que você queria ouvir pra crer
por isso essa foi feita pra você
ainda ficou muito pra dizer
tava custando pra me convencer
sei que você queria ouvir pra crer
por isso essa foi feita pra você

[ponte 1]
“mas eu não quero seu mal, vai viver, ser feliz
só toma mais cuidado com o que você faz e diz”

[verso 2]
pra você, que triste, pensa não ter solução
a dor que causaram no fundo do coração
mas quer c-mplicidade, e um amor de verdade
já teve paixões e hoje sente saudades
dos dias felizes ou de momentos outr’ora
e no quarto solitário a solidão te devora
ou vai pra balada clamando por companhia
e acorda arrependido do que fez no outro dia
pensa novamente, isso não vai mudar
que todo mundo mente e não vai achar
um molho sincero, o amor que procura
fica arrependido de canto na amargura
duvida do destino e diz não ter futuro
que talvez fique sozinha até ficar maduro
ou perder o medo de acontecer
conhecer alguém que faça você renascer

[refrão]
ainda ficou muito pra dizer
tava custando pra me convencer
sei que você queria ouvir pra crer
por isso essa foi feita pra você
ainda ficou muito pra dizer
tava custando pra me convencer
sei que você queria ouvir pra crer
por isso essa foi feita pra você

[ponte 2]
“é mais que afinidade, eu quero e você quer
não é só amizade, eu sou homem, você mulher

[verso 3]
pelo que eu sinto forte no peito até te aceito os defeitos
que quase fico sem jeito querendo ser seu sujeito, e predicado
viver a vida do seu lado e ser dedicado
deixar qualquer problema de lado
e te levar pro meu leito, até que enfim ser aceito
vivendo de um jeito que é quase perfeito
mais do que amor e sexo. me deu um rumo, um nexo
tão simples de viver, pra explicar é complexo
me motiva a progredir, mas me tira o sono
você é um continente virgem, eu um mero colono
vida contigo é em estéreo, sem você eu sou mono
com você original, se não sou cópia em carbono
faltar no trampo sem abono, natal sem panetone
moleque que cresce, mas do pai não sabe o nome
férias sem viajar, na praia não entrar no mar
viver uma vida inteira sem saber o que é amar

[refrão]
ainda ficou muito pra dizer
tava custando pra me convencer
sei que você queria ouvir pra crer
por isso essa foi feita pra você
ainda ficou muito pra dizer
tava custando pra me convencer
sei que você queria ouvir pra crer
por isso essa foi feita pra você

[ponte 3]
gosto do seu estilo, curto sua pessoa

[verso 4: rodrigo ogi]
o jeito de caminhar, sorrindo à cantarolar
pequena que me fascina, menina me tira o ar
no ar. flutuo até no alto da colina
só pra gritar pro mundo que o amor que contamina
quando a gente menos imagina, pega
sem vacina, pois o coração não nega
-ssina, entrega, não ta nem aí se o poema que escreveu naquele muro é brega
não quero josefina, karina, bete
marcela, regina, não quero ivete, não
meu coração é seu, meu coração
entreguei a ti, deixei em suas mãos
lhe peço desculpas quando fui um tanto bruto
mas é você que eu amo, e por você eu luto
minuto a minuto, penso em ti, divina
essa é dedicada à minha amada carolina