azlyrics.biz
a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 #

scalene – inércia lyrics

Loading...

[verso 1]
enquanto poucos se encarregam
nosso destino definir
inevitável não sentirmos
sombras enormes nos cercar

[verso 2]
enquanto você paga o preço
peço licença pra lembrar
o quão pequenos
eles nos tornam

[refrão]
somos fantoches numa triste inércia
a narrativa está inversa

[verso 3]
submissão é o nome disso
essa v-ssalagem medieval
é um pão e circo
um desperdício

[refrão]
somos fantoches numa triste inércia
a narrativa está inversa

[ponte]
agora no final
você pode ver?
essa cova é deles
e não venha me dizer
que eu vou ocupar
essa vala suja é um ralo
(suja é um ralo)

[outro]
sempre à beira do princípio
(estamos!) partindo de um precipício
evoluímos no retrocesso
são velhos atos reformulados
vivemos tudo com tanta urgência
justo pra isso não há pressa