azlyrics.biz
a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 #

black az – cartas lyrics

Loading...

[intro]
i don’t know, why you’re not there
i give you my love, but you don’t care

[verso 1]
mas não dá pra entender, o que devo ou não fazer
essas linhas vividas me jogaram num céu sem prazer
causei tanto porque, meu deus o que eu devo fazer
será que eu já devo colher
todo bom fruto dá trabalho, mas lucro te dá poder
mas não dá pra entender
afoito, aflito, eu caminho na contra mão
e as voz me diz, só mate alguém e culpe uma religião
e lá em casa minha coroa ainda reza uma oração
pedindo que os anjos me guardem quando eu sair do portão
aleluia, irmãos, por mais um dia que brilha além do horizonte
só mais um brinde e essa vai só pra quem já venceu a morte
minha mãe que era infértil, impossível diante os homens
tirou logo o az da manga, puta jogada de sorte
serpente da o bote, por isso que eu dei o primeiro soco
se joguei rumo ao norte, entre linhas de cortante e sufoco
quem quiser só bota a cara, que vai ver chuva de ouro
a jornada tem espinhos, mas o aroma muda o jogo, saca?

[refrão]
e se o mar se estressar, eu pacifico
e se você -ssumir me amar, eu p-sso e fico
se essas cartas te agradar, eu fico rico
desabafar talvez pra mim foi um castigo

[verso 2]
quem que
plantou com nóis mesmo com a seca lá no nilo
quem que
fecho com nóis pra atravessar com aqueles quilos
vai ceiar
toda essa lágrima agora vai virar vinho
vai pagar
notas na mesa, porque o rap é compromisso
anjo caído eu sigo, finto e finjo que nem sei de nada
coisas que vi, deixaria sua boca amarga
quando eu me vi perante a cruz e a espada
arrisquei tudo sem pensar, eu fiz minha jogada
provei que o ego sempre vai ser peso morto
roubei olhares em tempo recorde novo
9 nas costas, na área, eu quero jogo
foi com a cabeça que eu matei esses tolos
na sua casa, meu som tocava de novo
na viatura toca o meu nome de novo
da verde pura, eu enrolo e boto fogo
paga pra ver se o céu não faz chover pipoco
olho no olho, acharam que eu era um blefe
e que o luiz não levantava duas vezes
perdi batalhas, mas virei all in no game
foca e trabalha, a visa é turva, mas não treme
que essas linhas sirvam pra algo além de festas
foca na luz, mesmo que seja só uma fresta
se tem suor, essa água vai furar a pedra
fé que o guerreiro nunca gela nem amarela

[refrão]
e se, e se o mar se estressar, eu pacifico
e se você -ssumir me amar, eu p-sso e fico
se essas cartas te agradar, eu fico rico
desabafar talvez pra mim foi um castigo

[saída]
i don’t know, why you’re not there
i give you my love, but you don’t care