azlyrics.biz
a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 #

ceagá – pede pra repetir lyrics

Loading...

[verso 1: ceagá]
beijo com gosto de vodka que ela tem
meu mundo é seu mundo e de mais ninguém
livre prazer de contigo estar, oh
doce prazer e eu quero provar
cê não botava fé, pagou pra ver, vai vai…
essa cara de safada, eu gosto, faz
a noite é uma criança, então pera lá
vamos curtir até a madrugada chegar
sem perguntas, papo chato, melhor pular essa parte
no seu corpo, deslizando, nossa, uma obra de arte
ei, sem pausa, acende um e faz fumaça
ah… se fosse cerva, seria dev-ssa
vem, hoje o dia tá reservado, ainda mais com o céu nublado
combina com o quarto
mas olha só, foi embora e nem me avisou
só deixou um bilhete escrito: “eu adorei, amor”

[refrão: kafé]
elas não vão botar fé
elas não vão botar fé
até que a festa comece
elas não vão botar fé
ah é, ah é, depois pede pra repetir
ah é, ah é, é sempre essa mesma história
red cups para o ar, moça eu te entendo
relaxa e toma um chá, tudo fica lento
ah é, ah é, até que a festa comece
ah é, ah é, ah é, eh eh eh

[verso 2: mero]
na pele dela eu sou saliva, pura e arrepiada, trava
tenho o que você precisa, destilada em marra, gata
garrafas, não para a brisa, sua silhueta
fogueira acesa e a conexão tailandesa
me oferece uma dose, sabe o que faz
curte o efeito que as coisas ilegais me traz
sou suspeito a confiança que ela desconfia
mais louco que eu me via, mas solto sem fobia
acordo cedo e o espelho nos reflete ao teto
marcas de batom e a mente gira, peito aberto
talagada em tennessee, daquele jeito, vira
no fogão enquanto a ressaca moral esfria
vidros embaçados, arranho suas tattoos
o amor é escavo, mas dixavo, se conduz
neblina em sua pele, minha saliva que evapora
vivemos de novo, o déjà vu da nossa história

[refrão: kafé]
elas não vão botar fé
elas não vão botar fé
até que a festa comece
elas não vão botar fé
ah é, ah é, depois pede pra repetir
ah é, ah é, é sempre essa mesma história
red cups para o ar, moça eu te entendo
relaxa e toma um chá, tudo fica lento
ah é, ah é, até que a festa comece
ah é, ah é, ah é, eh eh eh